Arquivo da tag: Agricultura

Plataforma de monitoramento DataSafra auxilia a estratégia comercial da indústria de insumos agrícolas

datasafra__

As dimensões continentais do Brasil exigem precisão nas estratégias comerciais e de distribuição dos fornecedores de insumos para a agricultura, pois as distâncias entre o local de fabricação e o ponto de entrega são enormes e os custos logísticos, devido à infraestrutura deficiente, são altos. Para conseguir um sistema de distribuição mais racional, os fabricantes e distribuidores de fertilizantes, defensivos e sementes precisam de um planejamento assertivo que contemple informações e tendências sobre plantio de safra e de colheita e, assim, ser mais eficiente no atendimento aos seus clientes.

Para auxiliar nesse planejamento, uma ferramenta tecnológica, o DataSafra, foi desenvolvida para levar dados precisos sobre áreas plantadas das culturas de soja e milho de segunda safra, por região, municípios e até por talhão plantado. Por meio da coleta e análise de imagens de satélites, a plataforma digital fornece, em tempo quase real, mapas, tabelas e gráficos detalhados sobre a expansão ou retração dessas culturas.

Atualmente ainda restrita ao mapeamento do Mato Grosso, a inovação permite transformar dados em indicadores úteis, que servirão também para orientar, com mais confiabilidade, as estratégias comerciais dos fabricantes de insumos agrícolas, incluindo os esforços de vendas, mobilização de equipes e realocação de recursos.

Com os indicadores mapeados pelo DataSafra, um fabricante de fertilizantes consegue ter na tela do computador, por exemplo, a informação de que a área plantada de milho safrinha no Mato Grosso era, em maio deste ano, de 4,8 milhões de hectares. A vantagem é que esse dado não foi informado ou estimado pelos produtores, mas sim fruto da análise de uma imagem real do que estava efetivamente plantado naquele momento, permitindo até saber qual o estágio de evolução da plantação.

É possível ainda antecipar tendências de para onde está avançando a plantação da cultura numa determinada região, uma vez que o DataSafra disponibiliza a situação de até duas safras passadas, permitindo análises comparativas. A ferramenta consegue descer a esse nível de detalhe graças ao cruzamento de dados levantados a partir de complexos algoritmos e até a utilização de conceitos como Big Data e Inteligência Artificial.

Fruto de um esforço de inteligência de diversos profissionais e de dois anos e meio de desenvolvimento, o DataSafra foi concebido pela Geoambiente, empresa com 25 anos de experiência na área de geolocalização e sensoriamento remoto. Atualmente focado nas culturas de milho e soja, a plataforma está disponível para o Mato Grosso, mas, em breve, se estenderá a outras culturas e outros estados.

Fonte: assessoria de imprensa

ACESSE: WWW.DATASAFRA.COM.BR

Please follow and like us:

Geoambiente apresenta DataSafra no XIX Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto

bruno_simposio_sensoriamentoremoto2Bruno Schultz, engenheiro florestal da equipe Geoambiente, apresentou, no XIX Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, em Santos (SP), um dos mais novos desenvolvimentos da empresa: Datasafra – monitoramento de milho de segunda safra, no Mato Grosso, por Sensoriamento Remoto e Google Earth Engine.
O SBSR aconteceu entre os dias 14 e 17 de abril. O evento teve como objetivo congregar a comunidade técnico-científica e o usuário empresarial das áreas de Sensoriamento Remoto e Geotecnologias, com discussões e apresentações de pesquisas e desenvolvimento tecnológico no estado da arte, no Brasil e no mundo.

Smart Farming, IoT, Deep Learning e Agricultura de quarta geração foram termos muito utilizados durante as palestras, e muito explorados por Bruno em sessão oral sobre o DATASAFRA, para os congressistas.

bruno_simposio_sensoriamentoremoto (1)

Please follow and like us:

Geoambiente em workshop do programa Copernicus

No final de novembro, São José dos Campos foi palco para o grande workshop organizado e realizado pelo Instituto Espacial Thales Alenia Space (focado no desenvolvimento de recursos humanos especializados em estudos espaciais no Brasil), sobre o programa que participa, o COPERNICUS.

geoambiente_copernicus
Membros da equipe Geoambiente que participaram do workshop do programa Copernicus: Izabel Cecarelli (Presidente) e os geógrafos, Carina Rodrigues e Júlio Guerra.

Embora o evento priorizasse a participação de institutos governamentais de destaque, como a Embrapa e o INPE, a Geoambiente foi uma das pouquíssimas empresas privadas convidadas a participar do workshop. O gesto se revelou um belo reconhecimento pelo Instituto Espacial Thales Alenia Space à empresa de mais de 20 anos no mercado brasileiro de Geotecnologia.

Cada um dos convidados pode mostrar suas experiências em Sensoriamento Remoto e intenções no uso dos dados do Copernicus.

Izabel Cecarelli, Júlio Guerra e Carina Rodrigues (Presidente e geógrafos da Geoambiente, respectivamente) levaram ao público presente a questão do Sensoriamento Remoto no monitoramento ambiental, no gerenciamento de riscos e na Agricultura, tanto em forma de cases como em outras aplicações.

“A participação no Copernicus Workshop nos permitiu conhecer melhor os diferentes produtos e serviços de Sensoriamento Remoto do programa Copernicus, bem como identificar diversas possibilidades de uso das imagens ópticas e de radar disponibilizadas pelo mesmo”, afirma Júlio Guerra, Geógrafo e Mestre em Sensoriamento Remoto da Geoambiente.

Please follow and like us: