Arquivo da tag: soja

Plataforma de monitoramento DataSafra auxilia a estratégia comercial da indústria de insumos agrícolas

datasafra__

As dimensões continentais do Brasil exigem precisão nas estratégias comerciais e de distribuição dos fornecedores de insumos para a agricultura, pois as distâncias entre o local de fabricação e o ponto de entrega são enormes e os custos logísticos, devido à infraestrutura deficiente, são altos. Para conseguir um sistema de distribuição mais racional, os fabricantes e distribuidores de fertilizantes, defensivos e sementes precisam de um planejamento assertivo que contemple informações e tendências sobre plantio de safra e de colheita e, assim, ser mais eficiente no atendimento aos seus clientes.

Para auxiliar nesse planejamento, uma ferramenta tecnológica, o DataSafra, foi desenvolvida para levar dados precisos sobre áreas plantadas das culturas de soja e milho de segunda safra, por região, municípios e até por talhão plantado. Por meio da coleta e análise de imagens de satélites, a plataforma digital fornece, em tempo quase real, mapas, tabelas e gráficos detalhados sobre a expansão ou retração dessas culturas.

Atualmente ainda restrita ao mapeamento do Mato Grosso, a inovação permite transformar dados em indicadores úteis, que servirão também para orientar, com mais confiabilidade, as estratégias comerciais dos fabricantes de insumos agrícolas, incluindo os esforços de vendas, mobilização de equipes e realocação de recursos.

Com os indicadores mapeados pelo DataSafra, um fabricante de fertilizantes consegue ter na tela do computador, por exemplo, a informação de que a área plantada de milho safrinha no Mato Grosso era, em maio deste ano, de 4,8 milhões de hectares. A vantagem é que esse dado não foi informado ou estimado pelos produtores, mas sim fruto da análise de uma imagem real do que estava efetivamente plantado naquele momento, permitindo até saber qual o estágio de evolução da plantação.

É possível ainda antecipar tendências de para onde está avançando a plantação da cultura numa determinada região, uma vez que o DataSafra disponibiliza a situação de até duas safras passadas, permitindo análises comparativas. A ferramenta consegue descer a esse nível de detalhe graças ao cruzamento de dados levantados a partir de complexos algoritmos e até a utilização de conceitos como Big Data e Inteligência Artificial.

Fruto de um esforço de inteligência de diversos profissionais e de dois anos e meio de desenvolvimento, o DataSafra foi concebido pela Geoambiente, empresa com 25 anos de experiência na área de geolocalização e sensoriamento remoto. Atualmente focado nas culturas de milho e soja, a plataforma está disponível para o Mato Grosso, mas, em breve, se estenderá a outras culturas e outros estados.

Fonte: assessoria de imprensa

ACESSE: WWW.DATASAFRA.COM.BR

Please follow and like us:

Geoambiente em sua 3ª participação na AGRISHOW

A Geoambiente participou da 25ª edição da Agrishow entre os dias 30 de abril e 4 de maio, em Ribeirão Preto.
A equipe (representada por Izabel Cecarelli, Ana Carolina Rezende, Marcos Leandro Kazmierczak e Marina Mizioka) apresentou a mais nova solução da empresa: o DATASAFRA, a solução inédita que traz dados precisos das safras de soja e de milho antes do fim da colheita, com granularidade por municípios e por talhões, em tempo quase real.

agrishow_geoambiente1

Os produtos do DATASAFRA oferecidos são:

  • ÁREA PLANTADA – TETO DE MERCADO
  • CICLO DE MATURAÇÃO DA SOJA
  • MARCHA DE ESTABELECIMENTO DE PLANTIO
  • MARCHA DE COLHEITA
  • PRODUTIVIDADE

O DATASAFRA potencializa análises de inteligência e estratégias de mercado de empresas de sementes, agroquímicos, fertilizantes, logística, tradings, bancos, seguradoras e grandes produtores.

O produto chamou a atenção dos visitantes e de vários expositores, não só pela inovação mas também pelo potencial da solução ofertada.

Para ter mais informações sobre o DATASAFRA, acesse: http://www.geoambiente.com.br/datasafra ou entre em contato conosco: datasafra@geoambiente.com.br

Confira algumas fotos da participação da Geoambiente no evento:

Please follow and like us: