Arquivo da tag: GPS

Evite engarrafamentos no Carnaval com esta atualização do Waze da Google

fonte: Tecmundo – Por Ramon Voltolini

waze

O popular serviço de GPS e rede social Waze da Google lançou sua campanha para o Carnaval com os Road Goodies. A empreitada se estende para além de Brasil pela primeira vez; agora, usuários da Itália e Alemanha terão acesso também a figura carnavalescas como chapéus, máscaras e pandeiros. Os ícones alternativos ficam dispostos no período entre os dias 03 de fevereiro e 09 de março.

waze-carnaval

Ajudar motoristas a evitar ruas congestionadas e engarrafamentos é o principal objetivo da iniciativa. Os Goodies serão os mesmos para o Brasil e para a Alemanha, enquanto que na Itália serão espalhados fogos de artifício. Usuários podem elevar seus status na rede a partir do uso de Goodies (que vale três pontos) – para captá-los, basta ativar o Waze.

Waze é um GPS social que usa tecnologia móvel, base de dados e uma comunidade ativa que contribui para redefinição da forma como os mapas são utilizados hoje em dia.  O aplicativo conta atualmente com cerca de 50 milhões de motoristas ativos .

IMAGENS: The iOS Post
Please follow and like us:

Brasileiro ensina povos da Amazônia a usar GPS e fazer mapas

fonte: Folha.com

Por promover a união improvável entre o conhecimento tradicional de grupos amazônicos e as modernas técnicas de mapeamento por satélite, um antropólogo brasileiro acaba de receber um prêmio de US$ 100 mil da Fundação Ford, sediada nos EUA.

“Muita gente acha que a Amazônia é um caos fundiário, mas não é bem assim”, disse à Folha Alfredo Wagner Berno de Almeida, pesquisador da Ufam (Universidade Federal do Amazonas). “A verdade é que essas comunidades organizam muito bem seu território. E os mapas que ajudamos a editar expressam essa racionalidade.”

Esse é basicamente o trabalho que levou à láurea concedida a Almeida e seus colegas: editar mapas.

"Muita gente acha que a Amazônia é um caos fundiário, mas não é assim", diz Alfredo Wagner Berno de Almeida, da Ufam
"Muita gente acha que a Amazônia é um caos fundiário, mas não é assim", diz Alfredo Wagner Berno de Almeida, da Ufam

O projeto do grupo, batizado de “Nova Cartografia Social da Amazônia”, ensina indígenas, quilombolas e outros grupos tradicionais a empregar o GPS e técnicas modernas de georreferenciamento para produzir mapas artesanais, mas bastante precisos, de suas próprias terras.

Desde o lançamento, em 2005, cerca de 120 fascículos desse mapeamento já foram publicados (alguns com comunidades tradicionais de outras regiões do Brasil).

A intenção dos pesquisadores é entender como esses grupos usam seu espaço e organizam, em alguns casos há milênios, o uso dos preciosos recursos naturais da região.

Os mapas também ajudam a entender como essas identidades colidem com a urbanização e a expansão da fronteira agrícola na Amazônia, e a auxiliar as comunidades a demonstrar os direitos sobre seu território tradicional.

“Existe hoje uma pressão grande para a formalização do mercado de terras na Amazônia. A regularização é fundamental, mas às vezes não leva em consideração esses povos tradicionais”, diz o antropólogo, nascido em Minas Gerais e com doutorado no Museu Nacional Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Nesse trabalho, o grupo de mais de 70 pesquisadores, entre antropólogos, economistas, biólogos e agrônomos, também pode constatar como essas identidades estão se transformando.

Uma das situações emergentes são os índios urbanos –36 mil deles só na capital amazonense. Sintomático desse fato é que o grupo tenha ajudado na demarcação da terra indígena do município de Rio Preto da Eva (AM) –uma terra indígena urbana.

A equipe já era apoiada pela Fundação Ford. O prêmio desta semana integra o “Visionaries Award” (Prêmio Visionários), dado a “12 inovadores sociais cuja visão extraordinária e trabalho corajoso estão melhorando a vida de milhões de pessoas”, diz a fundação em comunicado.

Para Almeida, é importante reconhecer o sucesso dessas comunidades como modelos de gestão responsável dos recursos naturais.

Muitos céticos dizem que esse uso sustentável teria mais a ver com falta de alternativas econômicas, e que essas pessoas não hesitariam em deixar seu modo de vida ancestral se tivessem acesso a hospitais, educação e lazer urbanos. Ele discorda.

“Percebemos que muitas dessas pessoas preferem uma vida com menos conforto material mas com uma rede de proteção social forte, e com autonomia sobre suas vidas, em vez de simplesmente decidirem virar assalariados.”

Please follow and like us:

Game gratuito “outdoor” em tempo real utilizando tecnologia GPS (iPhone e Android)!

Seek’n Spell

Usando a combinação de espaços ao ar livre com letras virtuais, o Seek ‘n Spell usa o GPS de seu celular para criar um novo tipo de jogo. O objetivo é coletar cartas virtuais localizadas em áreas abertas para ganhar pontos. Tudo isso é feito em uma corrida contra o relógio!

Seek ‘n Spell pode ser jogado sozinho (contra o celular) ou com até dez jogadores, e os jogos podem durar até 30 minutos.

Seek ‘n Spell é um jogo social multiplayer para o corpo e a mente!

[vimeo http://vimeo.com/3829932]

Please follow and like us:

China lança oitavo satélite para compor seu sistema de navegação

fonte: MundoGEO

O sistema de navegação por satélites será semelhante ao americano GPS e ao russo Glonass.

China lançou ao espaço com sucesso mais um satélite, no último domingo, 10 de abril, compondo mais uma parte do sistema de navegação Beidou.

O satélite foi lançado a bordo do foguete lançador Changzheng-3A, às 4:47 de domingo, hora local, a partir da estação espacial Xichang, no sudoeste da China.

O sistema de navegação por satélites Beidou, também chamado de Compass, será semelhante ao americano GPS e ao russo Glonass, proporcionando serviços de navegação por satélite à Ásia-Pacífico a partir de 2012 e serviços de comunicação global a partir de 2020.

Atualmente, o sistema de navegação por satélite chinês é utilizado para investigar a disponibilidade dos recursos terrestres, em missões de vigilância e proteção ambiental, planejamento urbano, estimativas de safra e para prevenção de catástrofes, como ocorreu em maio 2008, na província de Sichuan e em abril de 2010 na província de Qinghai.

Please follow and like us:

ANTT exige rastreadores em ônibus interestaduais.

Rastreadores em ônibus serão exigidos;

por MundoGEO

Dentro de pouco tempo todos os ônibus interestaduais terão que incorporar um rastreador, que servirá para a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) monitorar a movimentação dos veículos.

Com esse sistema, será possível avaliar se os ônibus estão na rota permitida, no horário previsto e na velocidade tolerada.

O uso do aparelho já é difundido por seguradoras e empresas transportadoras, que monitoram suas frotas de veículos pelo país.

Futuramente, a ANTT também poderá indicar aos usuários da rede quais são as linhas que operam no trecho em que se desejam viajar e quais são seus índices de aproveitamento.

 

Please follow and like us:

Apontador Trânsito ganha prêmio internacional na área de conteúdo para dispositivos móveis.

por MundoGEO

O Apontador Trânsito é mais uma vez reconhecido, mas agora internacionalmente. Depois do prêmio Tela Viva Móvel e da indicação como finalista no Blackberry Super Apps, o aplicativo é um dos cinco campeões na categoria m-Media & News, pelo World Summit Award, e dentre eles o mais criativo e inovador na categoria.

A WSA “Excellence in m-Content 2010” é a primeira conferência global focada inteiramente em valor agregado de conteúdo e serviço e aplicativos inovadores. O objetivo desse evento é selecionar e divulgar os melhores conteúdos e aplicativos online que são criados ao redor do mundo.

Junto com o Apontador Trânsito, outros aplicativos como Angry Birds e Wikitude – Mobilizy também venceram em outras categorias. Todos os ganhadores foram selecionados entre mais de 430 projetos originados de 100 países, e avaliados por um grande júri, composto por 20 líderes e especialistas nas indústrias criativas, telecomunicações, publicidade, mídia e pesquisas de diversos países.

Outras empresas brasileiras, como Pontomobi, Fidelity, Vivo, Tectoy Mobile, Agência Click e Atope também submeteram seus projetos no WSA, em diversas categorias.

O prêmio será entregue aos vencedores das oito categorias no dia 6 de dezembro, durante um evento de gala na capital Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos.

“Receber o WSA é comprovar que estamos no caminho certo, que é o de desenvolver aplicativos inovadores e inéditos, sempre com o objetivo de conectar o usuário com informações ao seu redor, melhorando o dia a dia das pessoas, onde quer que estejam”, afirma Rafael Siqueira, CTO do Apontador, que estará em Abu Dhabi.

Please follow and like us:

Transporte público da cidade de Vitória já conta com localização via GPS.

por MundoGEO

A partir desta semana os usuários do transporte coletivo de Vitória (ES) já podem saber, através da internet ou de telas indicativas, o horário em que os ônibus passarão nos pontos. Os horários desses veículos é obtido pelos navegadores GPS instalados em cada ônibus das linhas intermunicipais.

O Ponto Vitória tem monitoramento da frota em tempo real e por isso é um projeto pioneiro no Brasil. O programa é uma iniciativa da Secretaria de Transporte e Infraestrutura Urbana (Setran).

O acompanhamento poderá ser feito por polos geradores de informação, televisores que indicam os horários de chegada e saída dos ônibus. Hoje, esse tipo de sistema está presente em frente à Prefeitura de Vitória, porém ainda não há previsão para a instalação em outros locais.

Please follow and like us:

Microsoft lança sistema operacional que simplifica a navegação veicular.

por MundoGEO

A Microsoft acaba de lançar o sistema operacional Windows Embedded 7, substituto do Windows Embedded, que deve simplificar algumas funções controladas pelos painéis dos carros, entre elas a navegação via GPS.

O Windows Embedded está disponível para 80 modelos de carros e caminhões, mas a sua nova versão só estará disponível em 2011 no elétrico Leaf, da Nissan.

Através de uma tela sensível ao toque, por comandos de voz e interações com GPS integrados, e até mesmo celulares com Bluetooth, o sistema irá localizar postos de abastecimento (utilizando os navegadores GPS), regular a climatização dos veículos e poderá também rodar alguns aplicativos.

 

Please follow and like us:

Estação de rastreio do sistema Galileo é inaugurada no Oceano Pacífico.

por MundoGEO

A mais nova estação em solo para rastreio do sistema de navegação por satélites Galileo foi inaugurada na Nova Caledônia, situada no Pacífico Sul. Esta nova estação do Galileo está situada próxima à capital, Nouméa, na ilha principal de Grand Terre.

Projetado para ser uma alternativa ao sistema norte-americano GPS e ao russo Glonass, o Galileo será formado por uma rede de estações em solo cobrindo todo o globo, além de uma constelação de satélites que gerarão sinais para serviços de navegação, posicionamento e tempo.

As estações em solo têm o objetivo de rastrear os satélites, verificar a integridade de seus sinais e monitorar a precisão de suas órbitas, entre outras funções.

Esta nova estação, na Nova Caledônia, é um elemento essencial para o futuro do Galileo, pois assegura a cobertura global do sistema. Os primeiros satélites de validação de órbita do Galileo estão programados para lançamento na metade de 2011.

Please follow and like us:

Novos satélites devem revigorar setor de GPS.

por Folha.com

Um sistema de satélites russo está na dianteira entre os diversos rivais que poderiam expandir o uso da navegação via satélite para além dos serviços de mapeamento e de orientação a motoristas, substituindo satélites norte-americanos envelhecidos.

A Rússia vem desde 1976 desenvolvendo o Glonass, sua resposta ao GPS (Global Positioning System) GPS, liderado pelos Estados Unidos. Depois de investir US$ 2 bilhões no sistema nos últimos 10 anos, os russos estão agora nos estágios finais de implementação, e ele deve estar em plena operação antes do final deste ano.

“A partir de 2012, graças ao lançamento de satélites adicionais em 2010 e 2011, é provável que o Glonass ofereça serviço comparável ao do GPS”, disse Frederic Brunetau, diretor-executivo do Ptolemus Consulting Group.

Ele informou que o Glonass será provavelmente a tecnologia de melhor desempenho por dois a quatro anos, a partir de 2014, até o lançamento da rede europeia Galileo, dada a expectativa de uma degradação na qualidade do GPS.

“O Glonass está pronto para brilhar. No entanto, manterá sua vantagem por apenas alguns anos”, disse Bruneteau.

Os analistas disseram que os fabricantes mundiais de chips estão prontos a incluir o Glonass e outras novas tecnologias europeias, bem como tecnologias da China e Índia, que estão trabalhando no desenvolvimento de redes próprias de satélites de posicionamento.

Os governos que estão bancando os novos satélites também desejam reduzir sua dependência do sistema GPS –operado pela Força Aérea dos EUA– e as dezenas de satélites que serão lançados tornarão mais fácil e preciso identificar uma posição.

Harold Goddijn, presidente-executivo da TomTom, fabricante holandesa de aparelhos de navegação via satélite, disse que os novos satélites podem estimular o uso de sistemas de posicionamento em novas áreas, tais como segurança aérea ou sistemas rodoviários.

“Reconheço que as pequenas melhoras graduais de certas tecnologias podem conduzir a usos completamente novos para elas. Às vezes, é uma pequena mudança nova que permite alterar todo o equilíbrio”, afirmou Goddijn à Reuters.

Please follow and like us: