Estudos para Copa preveem reforço do sistema de transmissão.

por Estadão.com

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) concluiu os estudos de planejamento do sistema de transmissão envolvendo os estados do Rio Grande do Sul e do Paraná, que preveem a implantação de novas linhas e subestações nas capitais — Porto Alegre e Curitiba — e em cidades do interior.

O conjunto de empreendimentos, orçado em R$ 980 milhões, será licitado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 2011 e deverá iniciar operação em 2013.

Para o atendimento ao Rio Grande do Sul, o planejamento indica a implantação de duas novas linhas de transmissão: uma entre as usinas hidrelétricas de Salto Santiago, no Paraná, e Itá, em Santa Catarina; e outra de Itá ao município gaúcho de Nova Santa Rita.

Ambas vão operar na tensão de 500 kV e terão cerca de 500 quilômetros de extensão no total. Estas linhas reforçarão a integração das hidrelétricas no Paraná e em Santa Catarina com o centro de carga do Rio Grande do Sul.

O estudo contempla ainda novas linhas de transmissão entre as subestações de Nova Santa Rita e Quinta, em 230 kV e com 290 km de extensão, além de uma nova subestação denominada SE Camaquã 3, em 230kV/69 kV.

“Todos esses empreendimentos asseguram o atendimento adequado dentro dos padrões de confiabilidade e qualidade à capital Porto Alegre e ao sul do estado do Rio Grande do Sul até o ano de 2020.

Paraná

Em outro estudo de planejamento de transmissão, focado no atendimento à região metropolitana de Curitiba e ao litoral do Paraná, está apontada a necessidade de construção de uma nova subestação de 525kV/230 kV para a região de Curitiba, bem como uma nova linha de transmissão, na tensão de 525 kV e com 35 km de extensão, ligando as subestações de Curitiba e Curitiba Leste. A EPE acredita que este conjunto de obras propiciará o atendimento confiável a Curitiba e ao litoral paranaense também até 2020.

Em andamento

Outro estudo, ainda em desenvolvimento pela EPE, trata da expansão da interligação elétrica das regiões Sul e Sudeste do Brasil. Com término previsto para o final do ano, esse estudo tem como objetivo planejar a transmissão para aumentar o intercâmbio entre as regiões, a partir da implantação de pelo menos três novas linhas de transmissão com tensão de 500 kV. Com esses novos projetos, aumentará a garantia de fornecimento de energia elétrica à região Sul do país.

 

Posts relacionados

Deixe um Comentário

Posts mais recentes:

multicloud
GoogleCloud
DataFlow
Google Maps
Google Cloud
Google Maps
Google Maps
Google Cloud
Google Maps
Google Maps
Google Cloud
Google Cloud
Google Cloud
Armazenamento