Rastreamento via satélite pode ser a solução para o trecho sul do Rodoanel.

Trecho Sul - RODOANEL - G1.Globo0 2

Por MundoGEO

Trecho Sul - RODOANEL - G1.Globo
Trecho Sul - RODOANEL - G1.Globo

Para manterem a circulação de veículos, principalmente de caminhões, no Trecho sul do Rodoanel Mário Covas, muitas empresas investem em equipamentos que funcionam via satélite. A rodovia, inaugurada em abril deste ano para aliviar o trânsito na capital paulista, está sendo evitada por muitos motoristas por causa de falha no rastreamento de veículos em geral.

“Hoje existem equipamentos com transmissão satelital, dessa forma, o sinal não fica sem cobertura.”, afirma o especialista em segurança Walter Uvo, da Focus Mind, e completa “Porém, é uma tecnologia cara”.

A falta de sinal nessa região já foi analisada por especialistas, e operadoras afirmam que devem resolver problema até setembro. Todavia, o rastreamento de caminhões é indispensável para quem enfrenta grandes estradas. Por essa razão o Trecho sul do Rodoanel Mário Covas está fora da rota de muitos caminhões, que levam cargas com mais de 60 mil reais.

“Como o sinal é prejudicado nessa área, muitos celulares e equipamentos de segurança que funcionam via antena, pois, essa região possui área de sombra, caso uma carga for roubada ali, as seguradoras não cobrem o prejuízo.”, completa Uvo. A área afetada fica entre os quilômetros 40 e 56 do Trecho sul do Rodoanel, o qual, sinal da antena é instável.

Mas ainda há veículos de carga que optam por não passar no trecho, voltando a utilizar o centro da cidade e a Avenida dos Bandeirantes, consequentemente aumentando o fluxo de carros, e alimentado o congestionamento novamente.

Posts relacionados

Deixe um Comentário

Posts mais recentes:

multicloud
GoogleCloud
DataFlow
Google Maps
Google Cloud
Google Maps
Google Maps
Google Cloud
Google Maps
Google Maps
Google Cloud
Google Cloud
Google Cloud
Armazenamento